ROSÁCEA

Trata-se de uma doença crônica de origem genética, autoimune, que atinge principalmente, mas não exclusivamente,  mulheres a partir da 3ª década de vida. Assemelha-se a um quadro de acne, mas sem as pústulas e sem cravos, atingindo, principalmente, a área central da face e nariz. Caracteriza-se por uma vermelhidão, com a presença de vasos sanguíneos dilatados (teleangectasias). O quadro, se não tratado, pode evoluir para uma situação inestética chamada de rinofima, que acaba por deformar o nariz.