Notícias

14
mar


Queda de cabelos: o que pode significar?

Queda de cabelos: o que pode significar?

Na área Dermatologica, nada é pior do que a queixa de queda de cabelos. Tanto homens como mulheres, sofrem do mesmo mal e angustias.

Precisamos, antes de tudo, entender a fisiologia dos cabelos. Cada fio de cabelo cresce entre 3 a 8 anos, se desprende da raiz, que permanece em repouso por algumas semanas e cai, voltando a crescer e repetir o processo indefinidamente. Existe sempre uma media de 10% em fase de queda, portanto temos cabelos caindo e crescendo diariamente.

Precisamos lembrar que nosso corpo não é uma máquina e, portanto, não podemos afirmar que devem cair 100, ou 120, ou 200 fios por dia, porque variam de acordo com cada pessoa, a quantidade de cabelos de cada um, cada momento em sua vida e uma série de outros fatores, importantes a serem levados em consideração.

O primeiro fator a ser levado em consideração, é a existência ou não de fatores genéticos, que determinam a Calvície, que é uma realidade para ambos os sexos, porém com suas peculiaridades e que merecerá uma abordagem, sobre origem, evolução, tratamento clínico e cirúrgico, que faremos em uma nova matéria.

Nossos cabelos podem cair porque estamos mais tensos, porque houve um aumento na oleosidade, dependendo da época do ano e clima. Dependendo do trato que dispensamos a eles, o xampu certo, o uso frequente de secador de cabelos, se os prendemos sob muita tração e assim por diante. E precisamos levar em consideração os problemas clínicos, como a queda que ocorre pós-parto, a presença de Anemia, o excesso de hormônios masculinos que podem ser devidos a cistos de Ovários, ou um hiper funcionamento da glândula supra renal, aumento na função da Tireóide, Diabetes, infecções, cirurgias, quimioterapia e assim por diante.

Como podemos ver, existem inúmeros fatores que podem culminar com o aumento na queda diária de cabelos, e que é muito importante que se procure o Dermatologista, para melhor esclarecer o seu quadro.

Postado por Dr. Cesar Cuono

em Dicas, Prevenção

LEIA TAMBÉM...

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

FACEBOOK